ENTRETENIMENTO POSSÍVEL

“Missão: Impossível – Protocolo Fantasma” vale o ingresso.

Se não fosse por outras razões, já seria por (no quarto episódio) garantir 133 minutos de entretenimento e não causar aquela sensação frequente em sequências de “deveriam ter parado no último”.

O filme tem o pacote completo da franquia: ação sem descanso, boa dose de pancadaria, pessoas que não são quem você pensa e Ethan Hunt fazendo o impossível para completar sua missão – no caso, salvar o mundo.

Li algumas críticas desabonadoras e entrei no cinema meio ressabiado, mas saí com a conclusão de que quem não gostou deste não tem nenhum motivo para ter gostado dos anteriores.

A propósito: o meu preferido é o segundo filme, o que começa com Hunt escalando uma rocha e recebendo sua missão ao usar um óculos Oakley. Além disso, é o episódio que tem a música Take a Look Around (Limp Bizkit), que é, de longe, a melhor já usada na série.

Mas “Protocolo Fantasma” tem algo mais – a direção de Brad Bird, que certamente levou sua experiência com animações (“Os Incríveis”, “Ratatouille”) para a empreitada produzida por Tom Cruise.

As cenas que você sabe que não são reais são insanamente reais.

Uma sequência é especial. Hunt, com luvas criadas para transformar pessoas em aranhas, escala as janelas de vidro do prédio mais alto de Dubai para manipular o servidor de internet do local. Obviamente, uma das luvas para de funcionar. Obviamente, ele se contorce em movimentos inimagináveis a um quilômetro de altura. Obviamente, ele escolhe um método ainda mais suicida para voltar.

O negócio é vertiginoso ao extremo. Provavelmente me obrigará a rever o filme num cinema IMAX.

Outro mérito da franquia MI é navegar muito bem pela fronteira entre as forçadas de barra aceitáveis e o chamado “território Van Damme” (alguns prefeririam “território Dolph Lundgren”, mas acho injusto até com Van Damme). Mesmo as cenas impossíveis para um ser humano são feitas de um jeito cool, que não produzem o riso do ridículo.

Falando em riso, o filme tem momentos divertidos, graças principalmente a Benji (Simon Pegg, que apareceu no terceiro episódio), o cérebro responsável pelo aparato tecnológico da equipe de Hunt.

“Missão: Impossível – Protocolo Fantasma” termina com o recebimento de uma nova missão, o que praticamente garante um quinto filme.

Comprarei o ingresso.

Anúncios

11 Responses to ENTRETENIMENTO POSSÍVEL

  1. Willian Ifanger disse:

    Que bom jeito de terminar o ano e acordar o Mais Gelo.

    Eu ainda acho M:I 1 o melhor, mas gosto muito do segundo, apesar de ser o mais rejeitado pela maioria.

    Eu só não assisti M:I 4 porque no dia que eu fui ao cinema fiquei sabendo que a sessão era dublada e perdi a vontade.

    Acabei assistindo “Compramos um Zoológico”. Filme bacaninha, sem nada de muito especial, do Cameron Crowe, mas com Matt Damon fazendo uma boa atuação num papel “mais maduro” (sou fã dele).

    Só uma coisa pra se discutir (logicamente em mesa de bar): gostei da sua classificação pro nível de “forçação de barra”….não sei se esse (“Território Dolph Lundgren”) é considerado por você o nível mais alto (ou baixo), mas valeria botar em discussão o “Terrotório Michael Dudikoff” (fez a antologia “American Ninja”), pra mim imbatível.

  2. Anna disse:

    Quero muito assistir MI: Protocolo Fantasma. Eu gosto mais do primeiro, mas vou gostar deste porque tem partes de cenas em Moscou. Te desejo um maravilhoso 2012, a você, André, e à sua família. Adorei o novo layout do Mais Gelo. Muito mais bonito. Grande abraço, Anna

  3. Luiz Eduardo disse:

    Se só pudesse comprar ingresso pra uma das duas, qual das franquias escolheria : Missão Impossivel ou Bourne?
    Abraços, Feliz 2012.

    AK: Bourne, fácil. Feliz 2012. Um abraço.

  4. Alejjandro disse:

    Hey André!

    Bem-vindo novamente! “Take a look around” também é minha preferida de M:I.

    Pena que o acordo com minha esposa para irmos ao cinema só contemple desenhos animados e filmes de suspense/terror.

    Abraço, e mais gelo em 2012!

  5. Marcel Souza disse:

    Como diria o Willian, “filme com o Tom, 50% já é bom”, ahaha!

    Também prefiro o 1o da série, mas quero muito ver esse, mais por causa do Brad Bird.

    Feliz 2012!!

  6. Rafael Wuthrich disse:

    Feliz 2012!

    André, uma ressalva que acabei de ler no blog do Nassif:
    http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/o-racismo-nao-cordial-do-brasileiro

    Como restaurantes ainda praticam esse tipo de coisa?

    AK: Horroroso. Um abraço.

  7. Willian Ifanger disse:

    É isso aí, Marcel….”filme com o Tom, 50% já é bom”.

    E hoje eu fui assistir ao filme. Grande diversão. Brad Bird fazendo um grande trabalho, filme de ação de verdade.

    E Ethan Hunt é foda.

  8. Alejjandro disse:

    Pessoal… sei que o McGyver é ‘clássico’, mas o Ethan seria o “novo” (nem tão novo, vai, a série é antiga) McGyver? Qual dos dois é mais “phodd@”?

    Abraço!

    • Leandro Azevedo disse:

      O McGyuver com um palito e um fio dental salvaria o mundo com certeza… Ethan eh mais bem equi

      • Marcos Vinícius disse:

        Certa vez,em um epsódio de “Profissão Perigo”,aquele seriado do McGyver,eu vi ele salvar uma usina com barrinhas de chocolate.Depois daquilo passei a acreditar que nada é fantasioso,só depende da boa fé de quem assiste.Sobre o Tom Cruise,um dos que mais gostei foi A Firma. E um dos piores foi Nascido em 4 de Julho. Não sei,parece que quiseram mostrar até que ponto vai o nacionalismo de um homem,mas achei feio e apelativo.

  9. Leandro Azevedo disse:

    Nao assisti M:I pq fui levado a “Tin Tin” que ate surpreendeu na diversão e humor. Outro que estreiou aqui que deve ser muito bom eh o primeiro da trilogia “The Girl with the Dragon Tatoo” (os livros sao otimos). Abs e bom retorno ai Mais Gelo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: